loader image

FAQ

Ações & Opções

A opção pode ser negociada até o último dia útil antes do seu vencimento.

Para acessar a Carteira Recomendada, basta que você entre na sua conta, vá em Conhecimento -> Análises e Relatórios XP. No campo busca, procure por “Carteira Top Picks” e veja a carteira publicada recentemente. Lembrando que a Carteira Top Picks é atualizada semanalmente, e está disponível no primeiro dia útil de cada semana.

Para ter acesso as suas operações e posição pelo CEI, acesse http://www.bmfbovespa.com.br/pt_br/servicos/central-depositaria/como-consultar/investidores.htm

Caso não se lembre ou não tenha recebido a sua senha de acesso, basta clicar em “Esqueci minha Senha”.

O preço da ação é formado pelos investidores do mercado que, dando ordens de compra ou venda de ações às Corretoras das quais são clientes, estabelecem o fluxo de oferta e procura de cada papel, fazendo com que se estabeleça o preço justo da ação.

A maior ou menor oferta/procura por determinada ação, que influencia o processo de valorização ou desvalorização de uma ação, está relacionada ao comportamento histórico dos preços e principalmente às perspectivas futuras de desempenho da empresa emissora da ação. Tais perspectivas podem ser influenciadas por notícias sobre o mercado no qual a empresa atua, divulgação do balanço da empresa (com dados favoráveis ou desfavoráveis), notícias sobre fusão de companhias, mudanças tecnológicas e muitas outras que possam afetar o desempenho da empresa emissora da ação. 

A liquidação de ação ocorre 3 dias úteis após a data da operação.

A liquidação da opção ocorre 1 dia útil após a data da operação.

Para verificar o ticker de uma opção sobre ação, deve ser usada a estrutura: ABCD+MÊS+NÚMERO. Sendo ABCD = código do ativo objeto, MÊS = A-L para Call e M – X para PUT. Onde A e M = Janeiro / L e X = Dezembro. NÚMERO = Este item tem o objetivo de diferenciar uma opção da outra em relação ao strike na mesma série de opções

Caso tenha o direito e queira subscrever, deverá nos informar a quantidade dentro do prazo que é estabelecido e divulgado diretamente pela empresa. Para isso, siga os passos abaixo:

  1. Entre no site www.xpi.com.br;
  2. Insira seu login e senha;
  3. Clique em “Minha Conta”;
  4. Selecione “Dúvida Frequentes”
  5. “Enviar e-mail”,  selecionando as opções – natureza do contato:  “Solicitação” e  assunto:  “Operações”.

No corpo do e-mail, é necessário nos especificar o ativo desejado e a quantidade exata que possui o interesse de subscrição.

A solicitação também poderá ser realizada diretamente a seu Assessor de Investimentos. 

Quando o investidor é exercido, a Bolsa chama margem para garantir a entrega do ativo-alvo da opção. Essa margem é chamada a partir do dia do exercício da opção até a data da liquidação da operação.

A única forma de evitar a chamada de margem de garantia é através do casamento da operação vinculando o ativo-alvo na carteira de cobertura de opções no dia em que estas são lançadas, o que permite à Bolsa enxergar que esse lançamento está devidamente coberto.

O casamento da operação não ocorre de forma automática, e deve ser solicitado pelo próprio investidor, diretamente ao seu Assessor de Investimentos.

[ ! ] A devolução da margem de garantia no exercício de opções somente será efetivada no dia posterior a liquidação da operação.

O financiamento de opções ocorre quando há a compra de uma ação no mercado à vista (gerando débito financeiro) e, ao mesmo tempo, a venda de opções de compra desta ação – call (gerando um crédito financeiro, chamado de prêmio). Como ocorrem crédito e débito, para realizar a operação o financeiro necessário em conta é menor do que seria na simples compra de uma ação.

O exercício ou não da opção vendida dependerá do preço da ação na data de vencimento da opção. Se ocorrer exercício da call vendida (ou seja, gerando venda de ação), a operação é encerrada (pois a ação anteriormente comprada será liquidada pela venda gerada no exercício) e o lucro será pautado na diferença entre a compra inicial da ação e o preço de exercício da call.

Se não ocorrer exercício da call, a ação comprada permanece na carteira e o cliente terá ganhado o prêmio da venda da opção.

O exercício de opções automático ocorre na terceira segunda-feira de cada mês, até as 13:00hs (ou no dia útil seguinte em caso de feriado), para opções que estejam “dentro do dinheiro”, em bandas determinadas no Manual do Risco.

Além disso, há a possibilidade de exercício das opções antes do vencimento a depender de sua classificação.

As Opções Americanas permitem ao titular o exercício de a qualquer momento a partir do dia seguinte da compra e até a data do vencimento, às 13h. Já as Opções Europeias só apresentam possibilidade de exercer seu direito no vencimento.

Na XP, a menos que o investidor se manifeste (para Opções Americanas) antes do vencimento, o exercício é automático conforme Manual de Risco.

A operação a termo é uma operação onde é firmado um contrato para a negociação de uma quantidade de ações, em um determinado prazo previamente acertado, entre um comprador e um financiador. O prazo mínimo é de 16 dias e o máximo, de 999 dias, mas a maioria dos contratos é fechada acertando-se prazos de 30, 60 e 90 dias.

O preço a ser pago pelo comprador é o preço das ações no mercado à vista, mais uma taxa de juros combinada pelas partes. No vencimento, o ativo a termo transforma-se em ativo à vista, e o investidor deverá ter saldo suficiente para liquidar financeiramente a compra do termo (financeiro + juros).

A liquidação pode ocorrer antecipadamente, basta realizar a venda do ativo à vista e, na mesma data, entrar em contato com a Mesa de Operações para solicitar a baixa do contrato a termo.

Para montar um long & short nas plataformas de negociação da XP, em primeiro lugar você deve verificar se há disponibilidade de aluguel para o ativo que você pretende vender.

No Homebroker, essa consulta pode ser feita através do item BTC (último item do menu vertical à esquerda. Havendo disponibilidade, basta executar uma ordem de compra do ativo da ponta long, e uma venda do ativo da ponta short.

É indicado dar preferência à ponta menos líquida primeiro para diminuir a possibilidade de descasamento da operação. Para desmontar um long & short nas plataformas de negociação da XP, você deve executar uma ordem de compra do ativo o qual você está vendido (ponta short) e uma venda do ativo o qual você está comprado (ponta long).

A liquidação do contrato de aluguel é automática, 4 dias úteis após a data da compra.

A não entrega total ou parcial das ações objeto da negociação em D+3 caracteriza uma Pendência de Venda, ou seja, o vendedor não cumpriu com o dever de entregar as ações ao comprador. Para que a recompra não seja automática, o papel deve ser comprado no D+3 da venda.

Para visualizar uma pendência, basta consultar o seu extrato de conta corrente, disponível em sua área logada do site da XP. No extrato irá constar o lançamento “Estorno de crédito por venda no D3”.

No caso do comprador, a informação também aparecerá em seu extrato de conta corrente como “Estorno de crédito por compra”. 

Apenas tendo o ativo objeto. Caso você compre o ativo objeto no mesmo dia da venda da opção ou caso já tenha o ativo objeto liquidado, o casamento é automático.

Para preencher/alterar seu perfil de investidor (suitability), siga os passos abaixo:

  1. Entre no site www.xpi.com.br;
  2. Insira seu login e senha;
  3. “Minha conta”;
  4. “Perfil do Investidor”;
  5. “Redefinir Perfil”.
  6. Responda o questionário. 

De acordo com o conjunto de suas respostas, seu perfil será classificado em conservador, moderado ou agressivo. 

Ao abrir sua conta XP, será ativo seu cadastro na BM&FBovespa e no Tesouro direto. Caso não realize aplicações nesses mercados após a abertura, sua conta será automaticamente desativada. 

Para solicitar a ativação de sua conta XP na B3, entre em contato com seu assessor para solicitar a ativação para você.

Sim. Caso exista algum evento corporativo (ex: dividendos, JCP, subscrição, etc), a bolsa cancela automaticamente todas as ofertas de ações e opções do ativo objeto.
Não há chamada de margem, já que a ação comprada cobre a opção vendida.
Não. Em alguns casos pode sim representar o Strike, porém não é uma regra.
O After Market permite a negociação de ações entre 17:30 – 18:00 hrs, após o horário regular, de forma eletrônica. As operações são dirigidas por ordens e fechadas automaticamente, por meio do sistema eletrônico de negociação da BOVESPA (Mega Bolsa). Os preços das ordens enviadas nesse período não poderão exceder à variação máxima positiva ou negativa de 2% em relação ao preço de fechamento do pregão diurno.

A operação Day Trade é aquela em que um mesmo investidor compra e vende, no mesmo dia, a mesma quantidade de títulos de uma mesma empresa, utilizando a mesma corretora.

Exemplo: você compra um certo número de ações por um preço e, ao longo do dia, decide vender a mesma quantidade, ou seja, zerar a posição.

O erro MG17 (Operação em Desacordo ao seu perfil no Suitability) indica que o tipo de operação que você está tentando realizar não é permitido para o perfil de investidor que você se encaixa atualmente.

Com o perfil de Investidor Moderado você poderá operar lote padrão de ações (100 papéis)

Com o perfil de Investidor Agressivo você poderá operar Bm&F futuros, ações no mercado fracionário e opções.

Para alterar seu Perfil de Investidor, em sua área logada de cliente, clique no botão no canto superior direito com seu nome e então clique em “Perfil do cliente”. Clique em “Redefinir perfil” e altere as respostas do questionário. Você pode alterar o perfil quantas vezes forem necessárias.

Para negociar ações em lotes diferentes de 100 (de 0 à 99 papéis), é necessário acrescentar a letra “F” na nomenclatura da ação (Ex.: PETR4F).

O índice Ibovespa é o resultado de uma carteira teórica de ativos, elaborada de acordo com os critérios estabelecidos em sua metodologia.

Aplicam-se ao Ibovespa todos os procedimentos e regras constantes do manual de definições e procedimentos dos índices da B3.

O objetivo do Ibovespa é ser o indicador do desempenho médio das cotações dos ativos de maior negociabilidade e representatividade do mercado de ações brasileiro.

O Ibovespa é um índice de retorno total (ver manual de definições e procedimentos dos índices da B3).

Ativos elegíveis
O Ibovespa é composto pelas ações e units exclusivamente de ações de companhias listadas na B3 que atendem aos critérios de inclusão descritos em sua metodologia. Não estão incluídos nessa categoria BDRs e ativos de companhias em recuperação judicial ou extrajudicial, regime especial de administração temporária, intervenção ou que sejam negociados em qualquer outra situação especial de listagem (ver manual de definições e procedimentos dos índices da B3).

A Oferta Pública, também conhecida como IPO, ocorre quando uma empresa decide fazer a abertura de seu capital por diversos motivos, como captar recursos financeiros para financiar novos investimentos da companhia.

O procedimento é realizado em três etapas:

1) Essa empresa procura por uma instituição financeira para prestar o serviço de emissão de ações, conhecido como Lançamento de Ofertas Primárias.

2) Ocorre a emissão de ações no Mercado Primário, conhecido como Oferta Pública.

3) Após o processo de IPO (período de reserva, bookbuilding e liquidação), as ações da empresa começam a ser negociadas no mercado da Bolsa de Valores.

A Oferta Pública também acontece quando os investidores ou acionistas transacionam ações de sua titularidade no mercado; nesse caso, ocorre o lançamento de Ofertas Secundárias.

Opção é um contrato que fornece um direito ao seu detentor, sobre determinado ativo. Pode ser o direito de compra ou de venda de um ativo, a um preço determinado. Este direito pode ser exercido automaticamente conforme regras definidas ou o portador do direito pode exercê-lo (caso esta opção possibilite) antes da data de vencimento.

Opção de venda (put) é um contrato que fornece ao seu detentor o direito de vender um ativo a determinado preço. O lançador (vendedor) de uma opção de venda tem a obrigação de comprar o ativo àquele determinado preço, caso o titular (detentor) exerça seu direito.

Opção de compra (call), é um contrato que fornece ao seu detentor o direito de comprar um ativo a determinado preço. O lançador (vendedor) de uma opção de compra tem a obrigação de vender o ativo àquele determinado preço, caso o titular (detentor) exerça seu direito.

A subscrição é o direito de aquisição de novo lote de ações em quantidade proporcional à possuída em determinada data.

O exercício de preferência na subscrição de novas ações não é obrigatório. Dessa forma, o acionista poderá negociar esses direitos a terceiros em bolsa. O direito tem um período de validade que, quando atingido, implica na extinção do mesmo.

É a modalidade de negociação em que o investidor passa de um dia para o outro com a posição do ativo em custódia, seja na ponta comprada ou vendida, ou seja, somente compra ou somente vende o papel no mesmo pregão.

A estratégia implica na compra de opção de compra com determinado preço de exercício e venda simultânea do mesmo tipo de opção com preço de exercício superior. 

A trava de baixa ou Reversão: Um spread de baixa é montado através da venda de uma CALL com determinado preço de exercício e da compra de outra CALL sobre a mesma ação e na mesma série, mas com preço de exercício mais alto, ou seja, é um spread de crédito.

É uma operação indicada para momentos em que o investidor espera uma queda no preço do ativo objeto, ou mesmo a sua lateralização, ficando a sua posição travada na opção vendida. Nesta trava o investidor venderá uma CALL de maior valor e comprará uma CALL de menor valor. Em razão disso, será um spread de crédito em que o investidor receberá para montá-lo, pois o valor recebido pela abertura da ponta vendida (CALL mais cara) será superior ao valor pago pela ponta comprada (CALL mais barata).

A trava começará a mostrar lucro à medida que o spread entre as opções começar a diminuir. Este, por sua vez, será a diferença entre o valor recebido pela ponta vendida e o valor pago pela ponta comprada. Esta operação pode ser feita pelo Pit de Negociação –>  Estratégia de Opções –> Trava de baixa. 

A corretagem cobrada será de R$15.

Um leilão é um procedimento adotado pela Bovespa que visa a proteção do mercado contra variações abruptas de preços e manipulações. Ele irá ajustar os preços de compra e de venda, e acontece sobre certas circunstâncias.

Um leilão acontece nas seguintes situações:

1) Condições relativas à média negociada nos últimos 30 pregões – com quantidade entre 5 e 10 vezes a média negociada, leilão com prazo de 5 minutos; com quantidade acima de 10 vezes a média negociada, leilão com prazo de 1 hora.

2) Em relação ao capital social das empresas: com quantidade entre 0,5% e 0,99% das ações ordinárias, leilão com prazo de 5 minutos; com quantidade entre 1% e 2,99% das ações ordinárias, leilão com prazo de 1 hora; com quantidade entre 3% e 6% das ações ordinárias, leilão com prazo de 24 horas; com quantidade acima 6% das ações ordinárias, leilão com prazo de 48 horas; com quantidade entre 1% e 2,99% das ações preferenciais, leilão com prazo de 15 minutos; com quantidade entre 3% e 4,99% das ações preferenciais, leilão com prazo de 1 hora; com quantidade entre 5% e 20% das ações preferenciais, leilão com prazo de 24 horas; com quantidade acima de 20% das ações preferenciais, leilão com prazo de 48 horas.

3) Em relação à cotação: oscilação de preço positiva ou negativa de 1,5% a 8,99% sobre o preço-base, para as ações integrantes da carteira teórica do índice Bovespa (IBOV) ou do índice Brasil 100 (IBxx), leilão com duração de, no mínimo, 5 (cinco) minutos; oscilação de preço positiva ou negativa de 3% a 8,99% sobre o preço-base, para os ativos integrantes dos demais índices da B3, leilão com duração de, no mínimo, 5 (cinco) minutos; oscilação de preço positiva ou negativa igual ou superior a 9% sobre o preço-base, para os ativos integrantes das carteiras dos índices da B3, leilão com duração de, no mínimo, 15 (quinze) minutos; demais ativos com oscilação de preço positiva ou negativa de 8,5% a 19,99% sobre o preço-base, leilão com duração de, no mínimo, 5 (cinco) minutos; demais ativos com oscilação de preço positiva ou negativa igual ou superior a 20% sobre o preço-base, leilão com duração de, no mínimo, 15 (quinze) minutos; demais ativos com oscilação positiva de 50% a 99,99% sobre o último preço, leilão com duração de, no mínimo, 30 (trinta) minutos; demais ativos com oscilação superior de 100% sobre o último preço, leilão com duração de, no mínimo, 1 (uma) hora; demais ativos com oscilação negativa superior a 50% sobre o último preço, leilão com duração de, no mínimo, 1 (uma) hora.

O Diretor de Operações da B3 poderá estabelecer leilão com duração diferenciada para um ou mais ativos se as condições de mercado assim demandarem. A relação dos ativos sujeitos a procedimento especial está disponível no site da Bolsa. Será facultado, pelo prazo de 30 (trinta) minutos, contados do encerramento do leilão, o registro de operação a prazo que tenha por objeto os ativos adquiridos no leilão. Para a realização da apregoação por leilão especial deverão ser observadas, ainda, as normas operacionais fixadas para cada leilão pela Bolsa.

O Diretor de Operações, ao seu exclusivo critério, poderá submeter a leilão comum qualquer negócio direto.

As ofertas registradas não poderão ser canceladas quando estiverem participando de leilão.

Uma ação representa uma parte de uma determinada empresa. A compra de ações na Bolsa transforma o investidor que adquire os papéis em sócio da companhia, mesmo que numa proporção pequena em relação ao controlador, o chamado sócio majoritário.

Brazilian Depositary Receipts são certificados de depósito de valores mobiliários emitidos no Brasil que representam valores mobiliários de emissão de companhias abertas com sede no exterior.

Para negociar a maioria das BDR´s, você deve ser considerado Investidor Qualificado. Para mais informações, fale com seu assessor. Algumas BDR´s estão liberadas para negociação para qualquer investidor. Basta entrar nesse link e procurar as BDR´s que estão selecionadas na coluna da direita.

Quando falamos de opção de compra (call), é quando o preço de exercício (strike) da opção está bem abaixo do valor do ativo objeto. Quando falamos de opção de venda (put), é quando o strike da opção está bem acima do valor do ativo objeto no mercado.

Opção no dinheiro é quando o strike da opção está próximo do valor do ativo objeto.

Opção fora do dinheiro, quando falamos de opção de venda (put), é quando o strike da opção está bem abaixo do valor do ativo objeto.

Quando falamos de opção de compra (call), é quando o strike da opção está bem acima do valor do ativo objeto no mercado.

É uma operação a qual o investidor compra uma ação e ao mesmo tempo vende outra. Busca-se arbitrar a diferença de preços (ratio) entre esses dois papéis.
O ativo a termo transforma-se em ativo à vista, e o investidor deverá ter saldo suficiente para liquidar financeiramente a compra do termo (financeiro + juros).
Ações PN são ações preferenciais, ou seja, o detentor tem preferência no recebimento de dividendos (percentual sobre o lucro da companhia), embora não tenha direito a votar nas decisões do Conselho Administrativo. As ações ON são ações ordinárias, isto é, o detentor tem o direito a voto nas decisões da empresa, e apesar de também receber dividendos, não tem preferência na distribuição.

As carteiras de análise fundamentalista se encontram nesse link. . Sobre as carteiras de Análise Técnica, entre no seu portal de cliente e selecione no menu:

Conhecimento -> Análises e Relatórios XP.

A carteira de análise fundamentalista é mensal. Existe também uma carteira de longo prazo, com período de 1 – 3 anos. Sobre as carteiras de análise técnica, existe a carteira semanal (Top Picks) e a carteira mensal dentro de seu portal.

O perfil de investidor/suitability é definido por meio de um questionário que deve ser aplicado pelas instituições financeiras para conhecer o grau de tolerância ao risco dos investidores potenciais. Para cada tipo de investimento é necessário um determinado perfil de investidor.
Caso a opção tenha vencimento maior que 6 meses, ela será bloqueada pelo Risco. Isso ocorre pois opções com vencimento longo possuem risco de liquidez.
Você não poderá cancelar a ordem durante o leilão, a não ser que sua ordem esteja fora do preço teórico de abertura do leilão. Sobre alteração, você só poderá modificar seu preço caso esteja fora do preço teórico de abertura do leilão, melhorando sua oferta.
As ações negociadas no after market são todas as ações que compõem o Índice Bovespa e IBRX 100.

A negociação de ações, opções, fundos imobiliários e contratos futuros está sujeita aos custos de corretagem na ordem de compra e venda conforme valores abaixo: 

Ações e opções:

Swing Trade: R$18,90 por ordem executada

Day Trade:

·         Ordens até R$10.000,00:  R$8,00 por ordem executada

·         Ordens até R$25.000,00:  R$10,00 por ordem executada

·         Ordens acima de R$25.000,00:  R$12,00 por ordem executada

BM&F Futuros:

Mini contratos ( índice e  dólar):

·         Operações day trade:R$1 por contrato. 

·         Operações  swing trade:R$2 por contrato. 

 

Contratos cheios (índice e dólar):

·         Operações day trade:R$4 por contrato.

·         Operações swing trade:R$6 por contrato. 

·         Opções:R$5 por contrato.

Fundos imobiliários:  Não possuem custo de corretagem.

Há também a cobrança de: 

·         Taxas Operações Normais: Outros Custos (3,9% sobre o volume de corretagem)

·         Liquidação (0,0275%) e Emolumentos (0,005%) sobre o volume total operado (compras+vendas)

·         Taxas BM&F, cobrado sobre o volume negociado (Valor Negócios): http://www.bmfbovespa.com.br/pt_br/servicos/tarifas/acoes/[bmfbovespa.com.br]

·         ISS: contempla ISS (5%), PIS (0,65%) e COFINS (4%). Total de 9,65% sobre a corretagem

·         As operações realizadas durante os leilões de abertura, de fechamento e em Ofertas Públicas de Aquisição (OPA), o valor da tarifa de negociação será 0,0070%.

* Os valores acima se aplicam somente às ordens realizadas pela plataforma de negociação XP. Operações realizadas via Mesa de Operações, consultar o valor diretamente com seu assessor de investimentos.

Executa ou Cancela – É a ordem válida apenas para o momento do envio em que o sistema executará a quantidade disponível no mercado, ao preço definido, e cancelará o saldo remanescente.

Tudo ou Nada – É a ordem válida apenas para o momento do envio, em que o sistema executará integralmente a ordem dada, ou a cancelará.

Em uma operação de long & short, a exigência será a diferença entre a chamada de margem para a posição vendida e a garantia oferecida pela posição comprada (desde que vinculada à carteira de garantia).

Veja o cálculo:

Posição vendida = (quantidade ações x preço fechamento) x (1 + fator deságio Bovespa)

Posição Comprada = (quantidade ações x preço fechamento) x (1 – fator deságio Bovespa)

A garantia exigida para um termo seguirá o seguite cálculo: (Deságio do ativo x Quantidade de ações x Preço do Ativo) + Prejuízo Acumulado no Termo
Para a Bovespa, você poderá definir pelo campo “Validade” na boleta. Para BM&F, a validade da ordem é apenas para o dia do envio da ordem.
Para negociar opções sobre ações, o custo é igual ao da negociação de ações.
O custo do exercício de opções, tanto para titular quanto para lançador, segue os padrões da tabela Bovespa, com mínimo de R$ 100,00, por série exercida.
O perfil necessário para operar com ações é o perfil moderado. Para opções, futuros e commodities é o perfil agressivo.
Sim! Como o financeiro da compra só será debitado em D+3, você pode utilizar o valor da venda para fazer a compra do ativo. Importante pontuar que em caso de pendência de venda, você poderá ficar com o saldo negativo.
Scroll Up